Dieta da Proteína-Perca Peso e Ganhe Músculos

A dieta da proteína é a garantia de perda de peso rápida e duradoura. Muitas celebridades são adeptas a essa forma de se alimentar pelos resultados que ela traz.

Para ajudar você a entender mais sobre a dieta da proteína, eu preparei o artigo de hoje com algumas dicas para você. Ficou interessada em saber mais? Então acompanhe comigo agora mesmo!

Por que a dieta da proteína é tão popular?

Com a dieta da proteína, a perda de peso é extremamente rápida e muito simples. O lema é substituir carboidratos e gorduras por diversas fontes de proteína.

Os benefícios adicionais da dieta da proteína são:

  • Implementação simplificada
  • Integração fácil na vida cotidiana
  • Sem fome
  • Sucesso rápido
  • Não há calorias para contar
  • Baixo risco de efeito sanfona
  • Aumento da ativação do metabolismo por um longo tempo
  • Queima calorias mais rápido
  • Proteção da ruptura muscular em caso de balanço energético negativo
  • Queima de gordura mais rápido

Dessa forma, a dieta da proteína se torna cada dia mais popular, e quem começa, não se arrepende de maneira alguma.

Como funciona a dieta da proteína?

Como o nome indica, em uma dieta da proteína, os alimentos ricos em proteína compõem a maior parte da dieta.

No cardápio, ovos, carnes magras, peixes, vegetais e produtos lácteos, incluindo queijos e iogurtes com baixo teor de gordura. Para não mencionar os shakes de proteína que podem ser um componente importante da dieta da proteína.

Como em qualquer dieta, há também uma lista de “alimentos proibidos” para a dieta da proteína.

 

Alimentos ricos em carboidratos, como macarrão, arroz e batatas devem ser evitados. As frutas, devido ao seu alto teor de açúcar, devem ser consumidas apenas em pequenas quantidades.

Alguns tipos de gorduras podem aumentar os níveis de colesterol e só devem ser consumidas em pequenas quantidades. A cautela é particularmente importante em salsichas, porque certamente contém muita proteína, mas também uma grande quantidade de gorduras prejudiciais a saúde.

As mais saudáveis ​​são, acima de tudo, gorduras poli-insaturadas (por exemplo, nozes), bem como os ácidos graxos ômega 3 (por exemplo, na semente de linhaça e salmão). Por outro lado, as gorduras trans (como em produtos fritos ou acabados) devem ser absolutamente evitadas.

O que pode comer na dieta da proteína?

Alimentos que você pode comer durante a dieta de proteína

✓ Carne (peru, frango, bife)

✓ peixe (salmão, atum, camarão)

✓ Ovos e produtos lácteos (queijo de baixo teor de gordura, queijo cottage)

✓ ricos em proteínas vegetais (soja, brócolis, espinafre, couve)

✓ Nozes (amendoim, amêndoas)

✓ Produtos de soja (tofu, soja, iogurte de soja)

✓ Produtos ricos em proteínas (whey isolate, whey protein, protein bars)

Alimentos que você deve evitar durante a dieta de proteína

✗ cereais (trigo, centeio, aveia, arroz, milho)

✗ pastelaria (pão, pãezinhos, bolos)

✗ macarrão

✗ legumes (ervilhas, feijões, lentilhas, grão de bico)

✗ legumes ricos em amido (batata, batata doce, aipim)

✗ Certos frutos (bananas, frutos secos)

✗ doces

✗ produtos acabados e fast food

Porque as proteínas ajudam na perda de peso?

A dieta da proteína é eficiente na perda de peso porque a maior parte das calorias vem das proteínas. Elas possuem diversos benefícios, entre eles:

  • Elas cortam a fome – As proteínas são muito saciantes, o que significa que depois de uma refeição que é rica nesses alimentos, estamos menos sujeitos aos desejos.
  • Elas fazem músculo – Com uma dieta baixa em calorias sem proteína, é a massa muscular que é queimada. Com uma dieta rica em proteínas, é apenas gordura que evapora!
  • Elas evitam a fadiga – Ao contrário de uma dieta convencional de baixa caloria, uma dieta rica em proteínas proporciona uma sensação de bem-estar e bom humor. Não nos sentimos exaustos ao menor movimento, pelo contrário: podemos até praticar esportes!
  • Elas impulsionam o corpo – Uma dieta da proteína não é prejudicial ao organismo. Pelo contrário, melhora o metabolismo básico, o funcionamento dos hormônios, a imunidade, a solidez dos ossos, o coração e a saúde vascular.

Dieta da proteína – cardápio completo

 

Dieta da proteína – cardápio simples

Menu 1:

O ovo mexido permite que você fique em forma pela manhã e comece o dia relaxado. No almoço, você come com a deliciosa panela de batata com peru que realmente deixa você cheia.

E depois do trabalho, você pode tratar- se de um suculento bife de alcatra. Se você ficar com fome no meio das refeições pode comer como lanche um punhado de nozes e uma maçã.

Menu 2:

Seu dia começa com melão recheado com iogurte cremoso. Uma leve omelete de ervas chega à mesa para o almoço e à noite você enche o seu estômago de proteína com um filé de atum e uma salada verde.

Como um lanche no meio, recomendo um pão integral com queijo cottage delicioso.

Menu 3:

O começo do dia 3 é realmente doce: panquecas sem carboidratos vão enchê-la até o meio-dia. Com a abobrinha recheada com carne moída, você vai deixar seus colegas da cantina realmente com inveja.

Finalmente, uma salada com bacon e abacate, que é definitivamente recheio perfeito para o jantar. Aliás, o iogurte grego é perfeito como um lanche: com baixo teor de gordura e alto teor de proteína, oferece a combinação perfeita para a dieta de proteína!

 

Formas de montar cardápios para a dieta da proteína

Quais são os alimentos ideais para consumir se você iniciar a dieta da proteína? Aqui estão algumas ideias simples, mas ao mesmo tempo funcionais para aumentar a ingestão de proteínas durante as refeições:

  • Café da manhã: amplo espaço para doces, mas também comidas salgadas. Algumas fatias de presunto, um ovo ou 200 g de queijo são ideais. Para aqueles que preferem um café da manhã “doce”, podem optar por 4 biscoitos com geleia, uma xícara de leite desnatado ou iogurte com cereais ricos em frutas e avelãs.
  • Almoço: 150 g de carne ou peixe (grelhados ou assados ​​de acordo com as suas preferências), ao qual pode associar alguns legumes. Alternativamente, você pode optar por uma torta de ovo e espinafre, ou peru assado com queijo magro, ou um par de ovos ou batatas cozidas e feijão.
  • Jantar: é possível preparar com peito de frango grelhado temperado com ervas aromáticas ou especiarias, ou filé de atum fresco, ou alternativamente um pedaço de omelete com claras de ovos, ou algumas fatias de berinjela com presunto. Também neste caso, um bom prato de legumes cozidos ou grelhados, torna a dieta da proteína ainda mais completa.
  • Lanches: frutas frescas da estação ou iogurte desnatado.

Dieta da proteína passo a passo

Calcule seu metabolismo básico

Para iniciar a dieta da proteína, é preciso calcular o seu metabolismo básico, ou seja, a quantidade de calorias que você gasta quando está em repouso.

Para isso, basta multiplicar o seu peso por 30. O resultado será a quantidade de kcal que você gasta por dia (valor aproximado). Por exemplo, uma pessoa pesando 80 kg x 30 obterá um metabolismo básico de aproximadamente 2.500 kcal.

Para que você possa perder peso com uma dieta da proteína, é preciso que você diminua a quantidade de calorias ingeridas, além de aumentar o consumo de alimentos proteicos.

Dessa forma, faça com que a ingestão de calorias passe de 2.500 para 2.000 kcal por dia. Os resultados serão potencializados dessa forma.

Escolha proteínas magras

Ao fazer uma dieta da proteína é importante que você faça escolhas inteligentes dos alimentos que você come. Proteínas magras contém um índice menor de gordura, e por isso, são mais saudáveis.

Entres os alimentos de proteínas magras, estão:

  • Na carne de vaca: alcatra, bife, rosbife, costela, carne moída a 5%;
  • Na carne de porco: o lombo e as pernas;
  • Na carne de aves: frango, peru sem pele;
  • Entre os peixes: linguado, bacalhau, pescada.

Além disso, diversos vegetais possuem proteínas saudáveis que podem auxiliar na sua perda de peso.

A carne magra é sempre preferível à carne gordurosa, porque contém menos gorduras saturadas que, se forem absorvidas em grandes quantidades, são prejudiciais à saúde.

Hidrate-se regularmente

É importante beber cerca de 1,5 litros de água por dia, de preferência não muito mineralizada para não cansar os rins.

Considere também chás diuréticos feitos de dente de leão, urtiga, rabo de cavalo e camomila que promovem a eliminação do ácido úrico.

As proteínas sobrecarregam os rins, por isso é muito importante beber água suficiente todos os dias para auxiliar nesse processo

Limite açúcares e alimentos com alto índice glicêmico

Comer esses alimentos antes de dormir é um erro comum! De fato, durante a noite, o metabolismo diminui e você engorda.

Na dieta da proteína esses alimentos já são reduzidos, mas é importante ter um cuidado especial nesse horário para que seu sistema digestivo não entre em colapso.

Além disso, os carboidratos fornecem apenas energia momentânea para o corpo, por isso, é provável que você não irá gastar tudo, e isso se torne gordura localizada.

Benefícios da dieta da proteína

A grande vantagem da dieta da proteína que se tornou famosa e apreciada em todo o mundo é que, sem dúvida, faz você perder peso de maneira rápida.

Isso se deve ao fato de que as proteínas aumentam o metabolismo e estimulam a lipólise (isto é, a quebra e a eliminação da gordura). Portanto, aumentar a ingestão desses nutrientes tem um efeito bastante direto sobre a perda de peso.

Outra vantagem muito cara aos atletas (que muitas vezes seguem esse tipo de dieta) é o aumento da massa muscular.

De fato, as proteínas são peças essenciais para o bom funcionamento e desenvolvimento dos músculos e, combinadas com o esporte, são alcançados excelentes resultados.

Outros efeitos positivos que podem ser encontrados são uma melhor saúde do cabelo e da pele que se beneficiam da ingestão de proteína.

Portanto, você tem a vantagem de perder peso rapidamente e melhorar a massa muscular, mas os possíveis efeitos colaterais e contraindicações não devem ser subestimados.

As vantagens da dieta da proteína são, portanto:

  • Melhora o metabolismo
  • Promove a perda de peso
  • Contribui para o desenvolvimento muscular
  • Melhora a saúde do cabelo e da pele

Gostou de saber mais sobre a dieta da proteína? Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras novidades para você!

 

Tenha Acesso Total e Gratuito ao Meu Treinamento Mestre Youtube.

irineudsf

Irineu Fernandes é Empreendedor Digital há mais de 02 anos. É proprietário do Site BlogdoIrineu.com.br. Acredita que o Empreendedorismo pode transformar a vida das pessoas. Quer ajudar as pessoas a se motivarem e a enxergarem novas oportunidades de vida.

Website: https://blogdoirineu.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *